domingo, 27 de setembro de 2009

Desabafos de uma mente exausta…

Cansei! Estou exausto. Meus dedos, joelhos, cotovelos e tornozelos doem. Meu nervo ciático do lado esquerdo vive latejando e recebi uma pancada no lado direito das costas ontem… Mas esse é o tipo de cansaço que eu postaria num blog pessoal.

CANSEI DESSE MUNDO IMBECIL!
[…]
Cansei de jogar o lixo na lixeira e separar toda a porcaria para a reciclagem;
Cansei de ser gentil e tentar não magoar os outros mostrando que eles são estúpidos;
Cansei de não comer cadáveres de animais fritos, assados, cozidos, defumados, etc;
Cansei de ceder o banco do ônibus pra idosos, grávidas, deficientes e pessoas com crianças de colo;
Cansei sorrir após ser ofendido e dizer/pensar "eu não me ofendo com nada";
Cansei de dar $10 de esmola e não receber um maldito obrigado;
Cansei de não ser machista quando na verdade as mulheres querem mais é levar tapa na cara e passar o dia cozinhando e limpando a casa;
Cansei de odiar os racistas, pois está tudo perdido! Todos são racistas, inclusive as vítimas de injúria racial;
Cansei de odiar a homofobia. No mesmo instante estão todos se ofendendo com viados, bichas, sapatões;
Cansei de ser o motorista da rodada;
Cansei de cuidar de minha saúde;
Cansei de não matar as baratas, aranhas e ratos que invandem meus pacotes de bolacha;
Cansei de dizer por favor, com licença, obrigado e desculpe;
Cansei de ouvir as pessoas reclamando da vida e dizendo que não vai dar certo ou que não vou conseguir;
Cansei de vê-los tentar viver minha vida;
Cansei de vê-los me subestimando, me julgando por minha aparência rude;
Cansei de ter que fingir concordar com eles só pra calarem a maldita boca;
Cansei de ser tolerante;
Cansei de ser paciente;
Cansei de me comportar como querem que me comporte só pra vê-los quietos;
Cansei de não ter voz nas decisões;
Cansei de ser desrespeitado;
Cansei de tentar fazer do mundo um lugar melhor.
[…]
Cansei desse mundo imbecil… mas ainda não desisti dele… ainda não.
____________________
Giuliano Marley

4 comentários:

Fabiano Che disse...

Que desabafo gay...

Giuliano Marley disse...

É intrigante ver alguém que aspira ao conhecimento se expressando dessa maneira…

SO.L. disse...

É,

A nossa capacidade de tornar a vida uma merda é incrível.

Incrivelmente excitante. Que o ócio, o tédio, a raiva e o caos sempre estejam presentes para nos dar um pouco mais de adrenalina.

Rosangela disse...

Eu to cansando de viver pelos outros!
To cansando de me preocupar, de esperar, de temer etc,etc...
Mas como vc não desisti.
Ainda não!